Plano financeiro pessoal para 2021 | Passo a passo

Ainda há tempo de fazer um bom plano financeiro pessoal, de fato irá te ajudar a conquistar as suas metas e objetivos.

Planejar comprar um novo carro, viajar, sair das dívidas, grande parte dos desejos envolvem gastos e precisam estar dentro do seu orçamento.

Portanto, realmente é preciso ter um bom planejamento financeiro pessoal para que seus objetivos sejam realizados e que suas finanças nunca mais entre no vermelho.

No decorrer do artigo, vamos destacar o passo a passo de como começar um plano financeiro pessoal de sucesso.

Entenda o que é um Planejamento Financeiro Pessoal

De forma bem simples, planejamento financeiro é a habilidade de estabelecer objetivos e metas financeiras e organizar as finanças conforme planejado.

Em outras palavras, o planejamento financeiro pessoal é como um guia ou GPS, que irá te mostrar o caminho correto para alcançar os seus sonhos.

Portanto, quando é traçado os seus objetivos é possível entender se as suas metas serão de curto, médio e longo prazo.

Ou seja,  isso irá te ajudar a entender o que é importante no dia a dia, desta forma é possível eliminar gastos supérfluos.

O que é preciso sempre ter em mente é que o ato de planejar, está sintonizado com o desejo de realizar.

Outro ponto crucial, é entender que qualquer orçamento terá sua oscilação. De fato, ele não será exatamente como planejado. Mas é preciso focar de sair do ponto “A” e chegar até o ponto “B”

Na imagem abaixo, é possível entender o que acontece com um plano financeiro pessoal. A linha vermelha representa a realidade, mostrando que apesar da oscilação, é necessário o seu planejamento sair do ponto “A” e chegar no ponto “B”.

plano financeiro pessoal

Depois de você entender de forma simples a importância de conquistar suas metas com foco no planejamento financeiro, vamos ao passo a passo.

Passo 1 | Analise sua situação financeira

É muito importante você saber exatamente o quanto você ganha e o quanto você gasta no mês.

Claro, que para esse primeiro momento, saber com exatidão cada gasto, levará um tempo e será necessário se familiarizar com o seu controle de gastos.

Portanto, faça essas seguintes perguntas à você:

  • Quanto eu ganho por mês?
  • Quanto eu gasto por mês?
  • Quais são minhas despesas fixas e variáveis?
  • Quanto do meu dinheiro está comprometido com pagamento de dívidas?
  • Eu tenho uma reserva financeira, caso aconteça algum imprevisto?

Com essa análise de suas finanças pessoais, já é possível começar a anotar suas receitas e despesas, pode ser em um caderno, planilhas ou até mesmo em aplicativos financeiros.

Para te ajudar nesse primeiro passo, temos um artigo sobre aplicativos financeiros que são ótimos para organizar em um único lugar toda a sua vida financeira | “Apps para Controle Financeiro”.

Passo 2 | Tenha objetivos de vida bem traçados

Muitas metas e objetivos envolvem dinheiro e uma situação financeira pessoal bem controlada.

Portanto, liste muito bem os seus objetivos financeiros, depois separe em metas de curto, médio e longo prazo.

É essencial para o seu sucesso financeiro ter os objetivos bem traçados. Assim, tente se manter motivado para realizá-los.

De fato, traçar metas e mantê-las ativas é o melhor a fazer, ter disciplina e seguir em frente com o seu plano financeiro pessoal. Para facilitar sua vida nessa caminhada, segue algumas dicas práticas:

  • Coloque lembretes de suas metas no seu cartão (débito/crédito) com post-it.
  • Altere a tela de fundo do seu celular com a informações da suas metas.
  • Coloque um lembrete no seu celular para que em 7 ou 15 dias te notificar de seus objetivos.
  • Compartilhe com pessoas bem próximas e confiantes sobre suas metas e objetivos de vida.

Desta forma, o foco em realizar suas metas estarão sempre a sua vista.

Passo 3 | Comece um orçamento mensal

Após você analisar sua situação financeira e definir quais são suas metas e objetivos, agora é o momento de começar a definir o seu orçamento mensal.

Mas o que é de fato um orçamento? Em suma, é uma prévia de sua receita ou despesa determinada por um período de tempo. Nesse caso, para um planejamento financeiro pessoal, o ideal é um orçamento mensal.

Portanto, na prática você irá definir quais são seus gastos dentro do mês para cada meta e mensurar a possibilidade de mantê-los conforme a sua receita.

Por exemplo, você pode definir um orçamento de R$ 600,00 para gastar com alimentos dentro do mês. Durante as semanas, você deverá acompanhar para ver se está dentro do limite estabelecido no orçamento.

Assim, você consegue acompanhar se o seu orçamento está dentro do programado ou se será necessário ajustar para evitar gastos supérfluos.

De fato, imprevistos acontecem e caso aconteça, não fique preocupado. Tente compensar esse gasto que saiu do controle, ao reduzir outro gasto planejado no orçamento.

O que não pode acontecer é o seu orçamento total passar da meta mensal. Se acontecer, é preciso revisar as suas metas e categoria de despesas. Lembre-se você precisa ficar dentro do seu orçamento mensal e tentar poupar no mês.

Como acompanhar o orçamento

Para acompanhar o seu orçamento é preciso anotar, planilhar e ou controlar por aplicativos financeiros, como já citamos anteriormente.

É preciso listar cada item, para ter um monitoramento mais claro e ajustar sempre que possível os gastos e ganhos calculados com as metas estabelecidas.

Quando comecei a fazer meu planejamento financeiro pessoal, a ferramenta que mais utilizei foi uma planilha em Excel. Realmente é uma ótima opção para quem quer começar a listar os gastos em categoria.

Porém, hoje em dia utilizo um aplicativo de finanças chamado Mobills. Pelo fato da correria do dia a dia, esse app é excelente para projetar suas metas de forma prática e automática. Tem uma interface bem didática e objetiva.

Para entender melhor como fazer um orçamento bem detalhado no app Mobills, segue um artigo bem completo do app: “Crie um orçamento financeiro completo no Mobills”. Ah, a versão gratuita também é excelente.

Passo 4 – Elimine suas dívidas, se houver alguma

De fato, infelizmente as dívidas são uma realidade rotineira na vida dos brasileiros. Mas ainda assim é possível eliminar as dívidas, quando se tem um planejamento financeiro pessoal.

Caso você se encontre nessa situação, não se preocupe, vamos te ajudar a entender como planejar para sair dessa situação e renegociar suas dívidas.

Só do fato de você se posicionar em regularizar suas dívidas, isso irá te ajudar a encontrar o melhor caminho. Portanto, siga algumas dessas etapas:

Conscientização

Encare o problema de frente e não deixe isso te abater. Em algumas situações parece ser difícil se manter tranquilo, mas quando se tem consciência da real situação, você passa a pensar na solução.

Identifique Suas Dívidas

Faça uma pesquisa completa da dívida. Liste quem são os credores, o valor inicial da dívida e qual o valor atual.

Não se preocupe em priorizar qual irá pagar, caso tenha mais de uma dívida. O importante agora é identificar. Você pode pesquisar também o seu nome/CPF se há alguma dívida em plataformas de negociação abaixo:

Plano de ação e negociação

Agora que você já sabe quais são suas dívidas, comece a organizar um plano de ação e defina qual dívida será negociada.

Após identificar qual pagar, entre na etapa de negociação. Entre em contato com o credor e demostre real intenção em chegar a um acordo para pagar a dívida, que seja bom para ambos.

Em alguns casos, você ficará surpreso pela facilidade de pagamento e impressionado por não ter feito isso antes.

Mas lembre-se, negocie dentro das suas possibilidades de pagamento e honre esse compromisso. Ah, não esqueça de colocar esse novo gasto no seu orçamento mensal.

Passo 5 | Tenha uma mente próspera

A grande maioria das pessoas não conseguem lidar com o dinheiro, pelo fato de ter uma mente fechada para novas oportunidades.

Quando você passa a pensar de forma positiva, as possibilidades de investir melhor o seu dinheiro aparecem.

Portanto, um dos segredos do sucesso financeiro e manter o seu planejamento financeiro pessoal sempre atualizado, é construir uma mente financeira voltada para a prosperidade.

Assim você passa a investir melhor, elimina crenças limitantes e passa atrair prosperidade. No blog, temos um artigo que explica o passo a passo de como ter uma mente próspera.

“Prosperidade Financeira e Mente Positiva”

Que bom que você chegou até aqui, isso significa que você está no caminho certo para conquistar a sua independência financeira e ter um plano financeiro pessoal de sucesso.

De fato, a educação financeira a partir de agora fará parte da sua vida. Portanto, aproveite ao máximo o seu controle financeiro e comece a planejar suas metas para 2021.

Conheça nossas redes sociais Facebook | Instagram | Pinterest

1 comentário em “Plano financeiro pessoal para 2021 | Passo a passo”

Deixe uma resposta